quarta-feira, 7 de maio de 2008

Mãe só tem uma

Mae,

É no berço terno que o afago de seus laços me faz sentir. É momento eterno de carinho e sei que vem de ti.

Como és belo e empolvorozo tal sentimento que junto ao peito se faz viril. Deixa aquela saudade que rasga ao ser em qualquer coisa do meu viver.

Meu espelho, minha vida. No fim, o desejo de ser feliz na verdade é ter sempre o seu amor a dádiva de te ver sorrir.